Arquivo de Tag | brasileiro

Madonna, chuva e imprensa no Brasil

Madonna

Madonna

Eu queria muuuuuuito ir ao show da Madonna em Sampa… Especialmente na quinta, meu niver, já pensou que máximo??

Mas o que me trouxe aqui foi algo hilário que li no estadão hoje… Eu tava procurando notícias sobre os shows do Rio e me deparei com o excerto abaixo. Tipo, é a caaaaaaaaaaara da Globo maquiar tudo e fazer o mundo (dela) parecer perfeito…

Leia a matéria na íntegra aqui.

É curioso como a mídia (a televisiva principalmente) tentou tapar a chuva com a peneira, minimizando os transtornos que ela provocou, no primeiro show, para quem ficou mais de duas horas tomando banho sem parar. Os sorridentes âncoras dos telejornais disseram que a chuva “não chegou a atrapalhar” a estréia da popstar no Maracanã. Queria ver se diriam o mesmo se estivessem encharcados no gramado. O pé-d’água atrapalhou sim, e muito. Tanto é que a cantora escorregou e caiu duas vezes, teve de cantar debaixo de guarda-chuva e várias vezes assistentes de palco interferiam na cena puxando com rodo a água que se acumulava na passarela.

Imagine a cena, o povão se afogando e o repórter sequinho falando… PIOR AINDA!!! Os caras passando o RODO no palco e o repórter sorrindo “Nem notamos que estáva chovendo!” hehehe

Eita mundo weird.

Anúncios

HIPOCONDRÍACO

remedio

Luís Fernando Veríssimo

Não tem nada pior do que ser hipocondríaco num país que não tem remédio.

Eu tomo um remédio para controlar a pressão. Cada dia que eu vou comprar o dito cujo, o preço aumenta. Controlar a pressão é mole. Quero ver é controlar o preção. Tô sofrendo de preção alto.

O médico mandou cortar o sal. Comecei cortando o médico, já que a consulta era salgada demais.

Controlei também a alimentação. Como a única coisa que me restou, depois do Fome Zero, é minha patroa, não tem perigo: Ela é a coisinha mais sem sal deste lado do mundo.

Para piorar, acho que tô ficando meio esquizofrênico. Sério! Não sei mais o que é Real. Principalmente quando abro a carteira ou pego extrato no banco. Não tem mais um real.

Sem falar na minha esclerose precoce. Comecei a esquecer as coisas: Sabe aquele carro? Esquece! Aquela viagem? Esquece! Tudo o que o barbudo prometeu? Esquece!

Podem dizer que sou hipocondríaco, mas acho que tô igual ao meu time: nas últimas.

Bem, carioca é assim mesmo, já nem liga mais para bala perdida. Entra por um ouvido e sai pelo outro.

O BRASIL EXPLICADO EM GALINHAS

Pegaram o cara em flagrante roubando galinhas de um galinheiro e o levaram
para a delegacia.
D – Delegado
L – Ladrão
D – Que vida mansa, heim, vagabundo? Roubando galinha para ter o que comer sem precisar trabalhar. Vai para a cadeia!
L – Não era para mim não. Era para vender.
D – Pior, venda de artigo roubado. Concorrência desleal com o comércio estabelecido. Sem-vergonha!
L – Mas eu vendia mais caro.
D – Mais caro?
L – Espalhei o boato que as galinhas do galinheiro eram bichadas e as minhas galinhas não. E que as do galinheiro botavam ovos brancos enquanto
as  minhas botavam ovos marrons.
D – Mas eram as mesmas galinhas, safado.
L – Os ovos das minhas eu pintava.
D – Que grande pilantra.. (Mas já havia um certo respeito no tom do delegado).
D – Ainda bem que tu vai preso. Se o dono do galinheiro te pega..
L – Já me pegou. Fiz um acerto com ele. Me comprometi a não espalhar mais boato sobre as galinhas dele, e ele se comprometeu a aumentar os preços dos produtos dele para ficarem iguais aos meus. Convidamos outros donos de galinheiros a entrar no nosso esquema. Formamos um oligopólio. Ou, no caso, um ovigopólio.
D – E o que você faz com o lucro do seu negócio?
L – Especulo com dólar. Invisto alguma coisa no tráfico de drogas.Comprei alguns deputados. Dois ou três ministros. Consegui exclusividade no suprimento de galinhas e ovos para programas de alimentação do governo e superfaturo os preços.
O delegado mandou pedir um cafezinho para o preso e perguntou se a cadeira estava confortável, se ele não queria uma almofada. Depois perguntou:
D – Doutor, não me leve a mal, mas com tudo isso, o senhor não está milionário?
L – Trilionário. Sem contar o que eu sonego de Imposto de Renda e o que tenho depositado ilegalmente no exterior.
D – E, com tudo isso, o senhor continua roubando galinhas?
L – Às vezes. Sabe como é.
D – Não sei não, excelência. Me explique.
L – É que, em todas essas minhas atividades, eu sinto falta de uma coisa. O risco, entende? Daquela sensação de perigo, de estar fazendo uma coisa proibida, da iminência do castigo. Só roubando galinhas eu me sinto realmente um ladrão, e isso é excitante. Como agora fui preso, finalmente vou para a cadeia. É uma experiência nova.
D – O que é isso, excelência? O senhor não vai ser preso não.
L – Mas fui pego em flagrante pulando a cerca do galinheiro!
D – Sim. Mas primário, e com esses antecedentes…

Luis Fernando Veríssimo.

Massa sai da prova e Raikkonen vence GP da Malásia

massaCopiado de Folha Online

O finlandês Kimi Raikkonen, atual campeão da Fórmula 1, venceu neste domingo o Grande Prêmio da Malásia, realizado no circuito de Sepang. O polonês Robert Kubica (BMW) conseguiu seu segundo pódio com a segunda colocação. Outro finlandês, Heikki Kovalainen, da McLaren-Mercedes, chegou em terceiro.

O brasileiro Felipe Massa, que largou na pole position depois de marcar o melhor tempo no classificatório de sábado, parou na 31ª volta. Ele rodou e acabou parando na brita. Sobre o incidente, o brasileiro afirmou: “Não sei ainda o que houve, senti um negócio estranho no carro. Vamos esperar pra ver.”

A saída de Massa vem em um momento complicado. Sem pontuar — porque seu motor quebrou no GP da Austrália –, o piloto se viu envolvido em rumores sobre sua saída da Ferrari na próxima temporada. Segundo a revista italiana “Autosprint“, ele será substituído pelo alemão Sebastian Vettel.

A corrida era tida para o brasileiro como um “novo começo” e como a chance de superar o finlandês Kimi Raikkonen. Contudo, o finlandês ficou na frente a maior parte da prova, assumindo a liderança depois da primeira parada de Massa, na 17ª volta.

Rubens Barrichello (Honda) e Nelsinho Piquet (Renault) concluíram a prova, chegaram na 11ª e na 13ª posições, respectivamente. Nenhum dos dois pilotos pontuou, assim como Massa.

Barrichello foi punido por excesso de velocidade nos boxes e teve que fazer uma passagem pelo pit, na 48ª volta.

O inglês Lewis Hamilton, vencedor do GP da Austrália, acabou a corrida na quinta posição, depois de largar em nono. Com o terceiro e o quarto melhores tempos no treino classificatório, os dois carros da McLaren foram punidos com posições no grid por atrapalhar o tempo de outros pilotos.

Hamilton também acabou prejudicado no primeiro pit stop, quando um problema na carenagem da roda causou uma parada de quase 20s nos boxes.

Na classificação geral da temporada, Hamilton lidera com 14 pontos, seguido por Raikkonen e Heidfeld, ambos com 11; Kovalainen aparece com 10; Kubica tem 8; Nico Rosberg e Fernando Alonso somam 6; Jarno Trulli tem 5 pontos; Kazuki Nakajima conseguiu 3; e Mark Webber e Sébastien Bourdais somam 2.

A próxima corrida está marcada para daqui a duas semanas, no GP do Bahrein.

Classificação final

  1. Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari)
  2. Robert Kubica (POL/BMW)
  3. Heikki Kovalainen (FIN/McLaren-Mercedes
  4. Jarno Trulli (ITA/Toyota)
  5. Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes)
  6. Nick Heidfeld (ALE/BMW)
  7. Mark Webber (AUS/Red Bull-Renault)
  8. Fernando Alonso (ESP/Renault)
  • David Coulthard (ESC/Red Bull-Renault)
  • Jenson Button (ING/Honda)
  • Nelsinho Piquet (BRA/Renault)
  • Giancarlo Fisichella (ITA/Force India-Ferrari)
  • Rubens Barrichello (BRA/Honda)
  • Nico Rosberg (ALE/Williams-Toyota)
  • Anthony Davidson (ING/Super Aguri-Honda)
  • Takuma Sato (JAP/Super Aguri-Honda)
  • Kazuki Nakajima (JAP/Williams-Toyota)

Não terminaram

  • Sébastien Bourdais (FRA/Toro Rosso-Ferrari)
  • Sebastian Vettel (ALE/Toro Rosso-Ferrari)
  • Felipe Massa (BRA/Ferrari)
  • Timo Glock (ALE/Toyota)
  • Adrian Sutil (ALE/ Force India-Ferrari)

Carnaval

carnaval

Carnaval, carnaval, carnaval. Eu fico triste quando chega o carnaval.
Luís Melodia

Carnaval. Não podia faltar aqui um post com minha indignação a essa vergonha nacional. Estava escrevendo um post reclamento, como os de sempre, quando chegou um mail da Mara. Vou postar a mensagem aqui, obrigada Linda!

Carnaval

O Brasil é um país de inúmeras festas.

É assombroso o número de feriados no calendário anual. Mas, se somarmos os dias que são emendados, teremos ao longo do ano, mais de quinze dias parados. Segundo especialistas do assunto, os prejuízos são enormes para o País.

Agora, nesta época, temos o feriado de carnaval. Em alguns lugares perde-se mais de uma semana de trabalho.

É o festejo da alegria num País de quase 40 milhões de miseráveis.

Desde o início de janeiro a mídia vem explorando as folias de Momo, como se fosse o acontecimento mais importante do ano. Fala-se em alegria, festa, colocar para fora as angústias contidas durante o ano passado. Infelizmente os caminhos propostos nada têm a ver com alegria ou alívio de tensões.

Ligamos a televisão e ouvimos a batida repetitiva das escolas de samba, cujo valor folclórico e cultural foi lentamente sendo perdido. Há muita gente que busca fazer do carnaval um momento de esperança, oportunizando empregos, abrigando menores e isso é muito valioso. A ilusão de grandeza, que falsamente produz um imenso contraste entre a beleza da avenida e a subvida dos barracos.

Falamos da sensualidade que se torna material de venda, nos corpos desnudos e aparentemente felizes por fora, mas muitas vezes profundamente infelizes por dentro.

As emissoras não cansam de exibir os bailes, os concursos de fantasias, os desfiles, levando-os a todos os que se comprazem em observar a loucura.

Continuar lendo

Counter-Strike e EverQuest estão proibidos no Brasil

fonte: Yahoo Notícias em Ter, 22 Jan, 12h08


São Paulo, 22 (AE) – Desde quinta-feira (17), os games Counter-Strike e EverQuest estão proibidos no País por “serem impróprios para o consumo, na medida em que são nocivos à saúde dos consumidores”. Eles começaram a ser apreendidos pelo Procon de Goiás, mas a decisão vale para todo o Brasil. A medida foi tomada pelo Juízo da 17ª Vara Federal da Seção Judiciária do Estado de MG (leia em tinyurl.com/29635q).

É mole essa agora??? Proibe CS mas não vai atrás dos traficantes que matam pessoas DE VERDADE com metralhadoras DE VERDADE. Vamos ser hipócritas! Vamos assistir só Teletubbies! É hora de dar tchau!